Subscribe:

Sonhando na escuridão

Fecho os olhos e no escuro vejo coisas...

Vejo sonhos...
Sonhos que nascem e renascem a cada dia
Sonhos que são horizontes de vida
Sonhos que construídos fazem pontes
Sonhos que mudam horizontes...

Vejo pessoas...
Pessoas que surgiram e depois sumiram
Pessoas que deixaram marcas
Pessoas que ficaram vivas no coração
Pessoas que alegraram meus dias...

Vejo esperança...
De um mundo mais humano
De uma terra igual
De um Deus Amor
De poder sonhar...

Abro os olhos e tudo isso existe!!!
Mas por que só vejo com os olhos fechados?
Seria porque com os olhos abertos não os quero ver?
Ou porque não me deixam ver?



É chegada a Primavera

As árvores começam a brotar
As flores começam a perfumar
Os passarinhos festejam

Todos os anos, tudo de novo
Tudo recomeça, tudo passa e torna a passar,
Num processo, tudo nasce, cresce, floresce, põe sementes e se vai.
Mas todos os anos, tudo é novo de novo
Nós somos novos
As flores não são as mesmas,
O perfume não é o mesmo,
Os sonhos precisam força e renovação.

Mas a cada passo que damos,
A cada sorriso que deixamos estampados
A cada gesto de carinho ou desafeto,
A cada olhar....
Somos novos de novo.

Façamos da Primavera um sonho
Um amor que bate a nossa porta
Façamos da Primavera um acreditar no amanhã...
Pois na Primavera tudo floresce, tudo brota, tudo produz.

Um sonho de hoje

Quando no silêncio da noite, no escuro da madrugada, em pleno olhar das estrelas por sobre a terra, eis que desperta um sonho, um sonho de um mundo melhor e mais humano. Um sonho onde cabem todos, onde ricos deixaram de existir e pobres nem existem no dicionário, onde formamos um povo só, sem esquecer-se de nossas pluralidades, onde juntos podemos ser mais humanos. Seria somente um sonho?
Quem me dera que todos pudessem abrir os olhos nessa noite, ver as estrelas brilhando, ouvir a voz do mundo e sonhar acordado. Quem me dera poder acreditar que esse horizonte, embora escuro, pudesse estar tão perto, que num esticar dos braços poderíamos alcançá-lo.
Mas sei que posso continuar sonhando....

A dor de um sonhador


No silêncio da noite
Estrelas a brilhar

A lua se desfazendo
As montanhas num escuro incomensurável.

As mariposas insistem a voar
Os passarinhos  parecem conversar ainda como se dando boa noite
Uma coruja distante guincha
Os grilos brincam no escuro
E um olhar olha o nada
Lembrando-se de momentos de saudade
Lembrando-se de uma vida agora passado
Um olhar que deixa correr lágrimas
Clara prova de uma lembrança linda e amorosa

Dói só de ver a cena
Como pode alguém sofrer assim?
Coração parece gemer, parar
Os olhos parecem não ver nada e ver tudo
Ver pessoas que se foram
Ver amores
Ver maninhas e maninhos
Ver sonhos antigos
Ver o horizonte ao longe
Ver o luar com um rosto
Ver as estrelas caindo
Ver a mata e os passarinhos
Mas de que vale a lembrança se não se pode tocar?
De que vale o amor se ele está longe?
De que vale o horizonte se ele nunca se deixa aproximar
De que vale a vida se coa morte ela se vai?
Mas o jovem continua lá
Continua sonhando
Continua amando
Continua chorando
Quem sabe esperando que um dia tudo o que está longe se aproxime
Tudo o que era lembrança torne a ser realidade
E que seu coração acalme.


Fonte da Imagem: http://sinfoniaeletras.blogspot.com/2011/09/seus-cabelos-estao-soltos-e-voce-ainda.html

O que é o amor?

Algo tão sério que não é brincadeira
Algo tão bonito que não nos cansamos de olhar
Algo tão engraçado que quando o temos não paramos rir
Algo tão quente que parece queimar tudo
Algo tão, tão, tão...

Extremos que parecem jamais se todar

Amor é dor, alegria, saudade, tristeza, carinho, amor, amor...

Amor é, amor não, amor é e não é....

a Incerteza do Coração

Olhando ao longe, num horizonte distante
No olhar de um sonhador
No amor de um apaixonado
No medo do futuro
No medo da perda
Na esperança do passado
Na incerteza do presente
Na vinda do futuro

Algo parece emergir no silêncio da mais linda noite
Um sonho novo
Um sonho de vida e amor
Um sonho de um sonhador
Algo que emerge e que indica o novo surgindo.